RESENHA: Uma Entrega Especial - Belinda Barnes (MARATONA DE BANCA 2012)


Uma Entrega  Especial
Autora: Belinda Barnes
Páginas: 155
Editora: Nova Cultural
Ano: 2001
Sinopse: Em seu carro, a ponto de dar a luz, Sara Jamison estava se desesperada... até que apareceu Cal Tucker. Como uma visão, o homem vestido de smoking conseguiu tranqüilizá-la, e Sara lhe confiou o mais precioso de sua vida...

Quando Cal ofereceu sua casa a ela e a sua recém-nascida filha, Sara aceitou o oferecimento. Mas quando lhe ofereceu seu sobrenome, hesitou. Por que aquele homem tão atraente e generoso acreditava que não merecia encontrar o amor? E como poderia ela convencê-lo do contrário?





NOTA: Eu sei que vocês estão acostumados a me ver escrever resenhas técnicas (e continuarei a fazê-las), mas para a Maratona (e alguns outros livros) tentarei escrever resenhas "corridas". Espero que gostem! E me ajudem a melhorar indicando as falhas, sim?

Calvin é filho de uma família importante. Como ainda é comum, a sua quer que ele se case com uma mulher que possua tanto nome e dinheiro quanto eles. O moço, entretanto, não quer um relacionamento baseado em posição social, assim como não quer assumir os negócios do pai. Seu amor é a medicina veterinária. Por tantas alpinistas sociais e um último relacionamento fracassado, este mocinho não confia tanto nas mulheres.
Sara é uma órfã de mãe (se considerar um homem vivo, mas distante, como pai). Sempre tentando que alguém a amasse, ela acaba em um relacionamento com Gary, um homem sem escrúpulos que a engravida e, ao saber, pede que aborte. Sara não conheceu uma família, não tiraria esse direito da filha. Pobre e sozinha, ela tem de dirigir por conta até o hospital em trabalho de parto. Como deveria de ser, não consegue controlar muito bem o volante, quase atropelando Cal. Assim se dá o encontro dos dois.
Unidos pelo "bem da menina", um relacionamento começa a tomar forma, embora os dois sejam cabeçudos demais para admitir.
Esta história tem muita similaridade com os outros romances de banca, mas também muitas divergências. As semelhanças: o homem é rico e poderoso, desconfiado e acaba por ser amansado pela mocinha; esta é pobre, fraca em muitos sentidos, só tomando voz em algumas situações em que prevalece a pura teimosia (o que são pontos negativos. Novamente: por que o mocinho não pode ser de classe média? Ou até mais pobre - não é vergonha nenhuma não ser rico. Os homens não devem ser poderosos para serem admirados ou para protegerem uma mulher. Ou por que a mocinha não pode ser a poderosa da história? Se a Sara passou por tantas dificuldades, por que parece que é tão fraquinha?). As diferenças, entretanto, são: o mocinho não é lindo e sexy de morrer, tampouco a mocinha; os dois são unidos por laços de ternura que se representam em Jessie, a menina que os dois trouxeram ao mundo. São sentimentos baseados em proteção, a atração acontece DEPOIS. Isto é bastante positivo.
A capa é bastante bonita, branda. Diagramação, sinopse, páginas e fontes estão em conformidade.

Análise
Enredo (x2): 3,17
 • Espaço (x2): 3 (bom);
 • Tempo (x2): 3  bom);
 • Personagens (x2): 3 (boas);
 • Criatividade (x1): 3 (boa);
• Andamento do enredo (x2): 4 (muito bom);
• Início, meio e fim (x3): 3 (bom);

Estrutura Artística (x1): 3,33
 • Capa (x1): 4 (boa);
 • Diagramação (x1): 5 (ótima);
 • Fontes (x2): 3 (boas);
 • Sinopse (x2): 3 (boa);
• Enredo (x3): 3 (bom);

Estrutura física (x1): 3,33
 • Capa (x1): 4 (muito boa);
• Páginas (x2): 3 (boas)

Nota final: [3.(3,17) + 3,33.1 + 3,33.1]/5= 3,23

Gostei da obra?
Sim, gostei. Ainda possui alguns elementos que me incomodam muito - acredito que para uma boa história de amor, a imagem de homem poderoso e mocinha indefesa já é bastante ultrapassada. Porém, como possui elementos que o tornam diferentes dos outros, possui o seu mérito. A nota é merecida!

A Autora
Belinda cresceu em Sand Springs, Oklahoma. Uma romântica, ela passou seus 10 anos escrevendo sobre terras distantes, castelos e princesas. A autora vive em Elm Mott, Texas, com seu marido, filha e gato. Ela gosta de pintar, ler, dançar, pescar, acampar e ficar junto de outros escritores.



Sobre a Autora:
ana c. nonato Ana Carolina Nonato cursa Ciência da Computação na Universidade de São Paulo (USP), mais especificamente no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) em São Carlos. Leitora assídua desde os 3 anos de idade, os livros são seus maiores amores na vida juntamente com o Cinema (antigo) e o bom e velho rock 'n' roll.


Gostou? Receba as publicações por e-mail!
Digite seu e-mail:


Delivered by FeedBurner

Share this:

COMENTÁRIOS

2 comentários:

  1. Ana!
    Já li esse livro e sempre quando tem criança no meio acho bem meigo, sem contar com o próprio romance...
    A resenha corrida ficou óima!




    Não, não esqueci de você... é apenas pouco tempo para tantas
    coisas...


    Vim desejar um início de mes maravilhoso e que todos seus
    desejos sejam concretizados no decorrer dos dias.


    "A prova mais clara de sabedoria é uma alegria
    constante." ( Michel de Montaigne )


    UM FINAL DE SEMANA CHEIO DE AMOR NO CORAÇÃO!


    Blogueiras Unidas 1275!


    Luz e paz!


    Cheirinhos


    Rudy


    BLOG ALEGRIA DE VIVER
    E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  2. Sei que é um preconceito meu, mas acho as tramas dos Romances de Banca bem clichês e superficiais. Qualquer dia desse, lerei um pra ver se meu pensamento trem fundamento ou não.


    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir