Novidades Editoriais: Lançamentos de Junho (Pensamento-Cultrix Seoman)


LANÇAMENTOS DE JUNHO


Livro revela os segredos da Maçonaria
As Origens Ocultas da Maçonaria é um dos estudos mais abrangentes sobre os ensinamentos e valores da mais famosa irmandade secreta

As Origens Ocultas da Maçonaria
Rituais Símbolos e História de uma Sociedade Secreta
Autor: Mark Stavish
ISBN: 978-85-315-1722-8
Assunto: Esoterismo/ Maçonaria
248 Páginas; Preço: R$ 39,90
Capa: Brochura; Formato: 16 cm x 23 cm
Editora Pensamento, 2011
www.pensamento-cultrix.com.br

Quem nunca teve curiosidade em saber os segredos e mistérios da mais famosa e antiga sociedade secreta e espiritual do mundo? As Origens Ocultas da Maçonaria, da Editora Pensamento, chega ao Brasil e divulga a filosofia da Maçonaria e o código moral a que todos os maçons obedecem.

O autor da obra, Mark Stavish, nos traz um dos estudos mais abrangentes já escritos sobre os aspectos esotéricos da Maçonaria nos últimos cinquenta anos. O autor é um líder destacado no campo das tradições mágicas ocidentais e analisa a Maçonaria de um ponto de vista novo, não tradicional.
As Origens Ocultas da Maçonaria não se trata de uma história tipológica, mas de uma análise completa, que explora as organizações de perfil maçônico, os diferentes ritos, os símbolos e os ensinamentos éticos secretos em comparação com o contexto mais vasto dos movimentos afins.
Com ótimas referências, inúmeros exemplos históricos e um riquíssimo acervo de influências e correntes cruzadas, a obra é uma contribuição informativa ao campo dos estudos esotéricos e ocultistas, traçando um panorama bastante útil do profundo pluralismo que caracteriza a história maçônica.

Sobre o Autor:
Mark Stavish é uma autoridade internacionalmente respeitada no estudo e aplicação prática da alquimia, da cabala e da astrologia. Publicou centenas de artigos, resenhas de livros e entrevistas sobre as tradições do esoterismo ocidental, que, em sua maioria, mereceram traduções em vários idiomas. Foi também consultor de mídia escrita e falada, colaborando com diversos documentários.
Em 1998, Stavish fundou o Institute for Hermetic Studies. Em 2001, para fomentar o progresso de abordagens não sectárias e acadêmicas ao esoterismo ocidental, criou o Louis Claude de Saint Martin Fund, dedicado ao incremento dos estudos e práticas do esoterismo ocidental. Stavish é formado em teologia e comunicações, e tem mestrado em consultoria.


Jesus Sem Dogmas mostra uma nova visão espiritual das palavras do Mestre
Livro traz uma extraordinária abordagem liberal à fé pós-cristã

Jesus Sem Dogmas
Autor: John Selby
ISBN: 978-85-315-1720-4
Assunto: Espiritualidade / Cristianismo
240 Páginas; Preço: R$ 36,90
Capa: brochura; Formato: 14 cm x 21 cm
Editora Pensamento, 2011
www.pensamento-cultrix.com.br

Para as pessoas que têm curiosidade em saber mais sobre Jesus ou as que duvidam de um sentimento de ligação com o Mestre por não simpatizarem com as crenças dogmáticas, o livro Jesus Sem Dogmas, da Editora Pensamento, chega ao Brasil para mostrar ao leitor, como descobrir sua verdadeira relação com o Divino e encontrar o caminho espiritual.
Com base em sua pesquisa sobre meditação e em sua longa experiência como terapeuta e conselheiro espiritual, o autor da obra e ex-ministro presbiteriano John Selby expõe como maximizar o amor e a orientação do filho de Deus na vida dos seres humanos. Além disso, ele apresenta um Jesus que todos podem cultivar no coração por meio dos exercícios de meditação que ele ensina no livro.
Jesus sem Dogmas destina-se aos milhões de pessoas para quem as teologias cristãs tradicionais não são satisfatórias, mas que desejam uma experiência direta da presença de Jesus em suas vidas. Este livro notável ajudará o leitor a se conectar com as características contemplativa e mística dos ensinamentos do Mestre, que mantiveram inalterada uma profunda experiência espiritual em milhões de corações desde a época de Cristo até a atualidade.

Sobre a autor:
John Selby cresceu numa fazenda na Califórnia, frequentou a Universidade de Princeton a Universidade da Califórnia em Berkeley e o Seminário Teológico de São Francisco. Fez pesquisas em psicologia no National Institutes of Health, integrando meditação e ciência cognitiva. A seguir dedicou-se à terapia individual e ao aconselhamento espiritual. Há algum tempo elaborou métodos para serem aplicados no local de trabalho e programas de treinamento por áudio online, de acesso instantâneo a seus ensinamentos e cursos.

Livro ensina como se tornar um “líder” de sucesso
A Fonte da Liderança oferece ferramentas essenciais para enfrentar desafios

A Fonte da Liderança
Oito Diretrizes para o Líder de Alto Impacto
Autor: David M. Traversi
ISBN: 978-85-316-1111-7
Assunto: Administração/ Liderança
240 Páginas; Preço: R$ 52,00
Capa: brochura; Formato: 16 cm x 23 cm
Editora Cultrix, 2011
www.pensamento-cultrix.com.br

Se você deseja liderar com mais eficácia, seja na área dos negócios, política, família, educação, esporte, entre outros, o livro A Fonte da Liderança, da Editora Cultrix, disponibiliza as melhores ferramentas para enfrentar esses desafios. Segundo o autor, David M. Traversi, essas técnicas ajudarão as pessoas a se tornarem líderes de alto impacto.
No livro, o leitor aprenderá como desenvolver oito diretrizes pessoais– forças que já existem dentro da pessoa – e transformá-las em resultados interpessoais extraordinários. De acordo com Traversi, a pessoa que reconhece, acessa e desenvolve essas diretrizes observará um fortalecimento de poder e uma satisfação completa no nível pessoal e, em seguida, uma profunda eficácia como líder de pessoas no mundo atual.

Sobre o autor:
David M. Traversi é o fundador e diretor-gerente da 2020 Growth Partners, empresa que oferece treinamento executivo, consultoria estratégica, banco mercantil e serviços de desenvolvimento de liderança para executivos e empresas em todos os Estados Unidos. Foi o principal diretor executivo de várias empresas, bem como advogado, financiador comercial, banqueiro de investimentos e investidor de empresas privadas. Além disso, foi responsável por iniciar as atividades de várias empresas bem-sucedidas de diversos segmentos econômicos. Traversi possui MBA, pela Haas School of Business da UCLA, em Berkeley, e doutorado em Direito, pela King Hall School of Law da UCLA, em Davis.


Thor, Senhor dos Anéis, Cavaleiros do Zodíaco: RAGNARÖK narra de forma didática e cronológica a história dos deuses nórdicos
Assinada por Mirella Faur – escritora romena da Transilvânia radicada no Brasil e uma erudita no assunto – obra faz uma introdução à mitologia nórdica presente nos dias de hoje no cinema, desenhos e quadrinhos. Livro conta com uma lista em ordem alfabética dos deuses, além de um guia de pronúncia dos nomes nórdicos e escandinavos

RAGNARÖK – O Crepúsculo dos Deuses
Uma Introdução à Mitologia Nórdica
Mirella Faur
432 Páginas; Preço: R$ 49,90
Capa: Brochura; Formato: 16,0 x 1,9 x 23,0 cm
Editora Cultrix, 2011
www.pensamento-cultrix.com.br

Thor, Odin, Loki, Frigga, Freya, As Valquírias, Midgard, Valhalla, Asgard, Gigantes, Anões, Elfos , o mito do Anel do Poder. Estes nomes estão presentes em inúmeros filmes, desenhos animados, quadrinhos e games de sucesso no mundo inteiro. Cavaleiros do Zodíaco – verdadeira sensação no final dos anos 90 - , a trilogia literária/cinemetográfica O Senhor dos Anéis e, mais recentemente, o filme Thor – que já é a segunda maior bilheteria no Brasil em 2011 - são protagonizados por deuses nórdicos e suas narrativas inspiradas nesta mitologia.
Mas quem são esses deuses? Qual é a origem histórica, teológica e ou filosófica deles? Existem relações entre a mitologia nórdica e a grega? Odin é o pai de Thor? Quem são elfos? Essas e outras centenas de questões são respondidas em RAGNARÖK – O Crepúsculo dos Deuses – Uma Introdução à Mitologia Nórdica, obra que chega às livrarias de todo o Brasil pela Editora Cultrix.
Assinado pela escritora e palestrante romena da Transilvânia radicada no Brasil Mirella Faur – também autora do best-seller e obra de referência Mistérios Nórdicos (Editora Pensamento) – o livro descreve a origem cultural e histórica dos mitos nórdicos de forma abrangente em uma narrativa que transcorre por toda a história. Tudo organizado de forma cronológica, inclusive contemplando um glossário ao fim do livro. A obra parte do período pré-histórico (4000 a.C.), visita o período Romano (150-100 a.C.) e a era dos Vikings (a partir de 793 d.C.), e chega ao Renascimento, não deixando de explicar o uso desses mitos por religiões neopagãs modernas, como o Asatrú, considerado na atualidade uma das relgiões oficiais da Suécia.
Mais adiante, a obra explica à mitologia: todo o contexto da formação e do desenvolvimento da sociedade e cultura nórdicas é trabalhado em uma linha do tempo. Os mitos são alinhados às características e valores locais, o que amplia o alcance do livro: o leitor se depara não só com a estética da mitologia, mas sua essência, raizes e origem sócio-culturais.
A publicação conta ainda com dois guias: um intitulado Correspondências das Divindades, que relaciona cada uma delas, e o outro, um Guia de Pronúncia dos nomes das divindades. Tudo é relatado em detalhes: as origens, poderes, privilégios e ambições dos deuses e os símbolos a eles ligados, assim como suas capacidades e poderes.
RAGNARÖK pode ser considerado uma “bíblia” para os amantes do assunto e um guia para aqueles curiosos que querem dar os primeiros passos no rumo a desvendar todos os mistéiros e fantasias que envolvem os deuses e que, em pleno século XXI, continuam a arrastar milhões de pessoas para salas de cinema de todo o planeta.
Veja alguns dos deuses presentes no livro

• Thor

Elemento: fogo, terra, chuva
Animais totêmicos: bode, touro
Cores: vermelho
Plantas: barba-de-bode, carvalho, cardo, espinheiro
Pedras: ágata de fogo, amonite, jaspe sanguíneo hematita, moldavita, tectito
Metais: ferro, estanho
Símbolos: anel de ferro, carruagem , cinto , luvas, martelo , pilar, raio, roda solar, entre outros
Atributos: coragem, proteção e defesa, aumento da força física, da fertilidade e da força física e da virilidade. Preservação da ordem, entre outros
Datas da Celebração: quintas-feiras, 19/01, 20/05, 28/07, 01/08

• Odin

Elemento: ar, fogo
Animais totêmicos: baleia, gaivota, golfinho, peixes
Cores: azul, cinza, índigo, verde, violeta
Plantas: cogumelos sagrados, freixo, mandrágora, sangue-de-dragão, teixo
Pedras: esmeralda, opala-de-fogo, ônix, rubi-estrela, sardônica, turquesa
Metais: ferro, estanho, mercúrio, ouro, prata
Símbolos: anel, bastão, cajado, escudo, espada, lança, manto com capuz, entre outros
Atributos: conhecimento oculto, sabedoria e poder mágico, metamorfose, uso e leitura das runas, deslocamento entre os mundos, entre outros
Datas da Celebração: quartas-feiras, 30/04, 18/08 , 02/11 , 06/12

• Loki

Elemento: fogo( descontrolado), água, ar, terra
Animais totêmicos: cavalo, égua, lobo, mosca varejeira, salmão, serpente aquática, pulga, raposa
Cores: furta cor
Plantas: alucinógenas, espinhentas, venenosas
Pedras: vulcânicas, radioativas
Metais: chumbo
Símbolos: erupções vulcânicas, explosões, fogueiras, incêndios, queimadas, terremotos, tempestades magnéticas, curtos-circuitos, panes elétricas
Atributos: metamorfose, armadilhas, espertezas, fraudes, máscaras, magias, mentiras, roubos, trapaças

Sobre a autora
Mirella Faur é romena da Transilvânia, naturalizada brasileira, com extensa formação científica e esotérica. Nas últimas quatro décadas, tem se dedicado ao estudo e aplicação da astrologia e dos oráculos, em especial das runas. Além de utilizá-las para aconselhamento, orientação e proteção, Mirella estudou e pesquisou em profundidade as origens cosmológicas, mitológicas e mágicas dos sistemas rúnicos, com o intuito de compreender, aprender e poder transmitir seus antigos mistérios. Por meio de vivências, palestras, cursos, livros e publicações, no Brasil e no exterior, Mirella é conhecida como uma iniciadora e desbravadora na senda do conhecimento do Sagrado Feminino e dos mistériso da antiga religião nórdica. É autora do best-seller Mistérios Nórdicos, publicado pela Editora Pensamento.


Biografia conta extraordinária vida e carreira de David Ogilvy, o criador da moderna publicidade
Livro foi escrito por Kenneth Roman, que trabalhou ao lado de Ogilvy por 26 anos, inicialmente como executivo de contas até chegar ao cargo máximo na agência

O Rei da Madison Avenue
David Ogilvy e a Criação da Publicidade Moderna
Autor: Kenneth Roman
Ex-presidente e CEO da Ogilvy&Mather
ISBN: 978-85-316-1118-6
Assunto: Biografia/Publicidade
320 Páginas; Preço: R$ 58,00
Capa: brochura; Formato: 16cm x 23cm
Editoras Cultrix e Meio Mensagem, 2011
www.pensamento-cultrix.com.br

David Ogilvy, considerado o criador da moderna publicidade, faleceu em seu castelo na França em 1999, aos 88 anos, e este ano, quando se comemora o centenário de seu nascimento, a Editora Cultrix traz para o leitor brasileiro O Rei da Madson Avenue, biografia escrita por Kenneth Roman, que ao longo de 26 anos trabalhou na Ogilvy&Mather, inicialmente como executivo de contas até chegar ao topo, como CEO.
O livro recebeu elogios dos mais renomados jornalistas mundiais especializados na área “como a biografia final do homem que ditou o rumo da moderna publicidade”. Baseado na sua vivência e em centenas de entrevistas e pesquisas, Ken Roman desvenda aspectos da difícil personalidade de David Ogilvy, e relata como ele conquistava e tratava os clientes, produzia anúncios geniais baseados em pesquisas e no marketing direto, e como sempre defendeu a tese sobre o propósito da publicidade – vender o produto, o serviço ou a ideia do cliente – e não ir atrás de prêmios e reconhecimento para a inventividade criativa.
O leitor compreenderá como David Ogilvy foi forjado, a partir de sua infância e juventude pobre na Inglaterra, e guiado pelo texto elegante de Kenneth Roman, entrará na história desse jovem que, por não ter conseguido completar os estudos em Oxford foi a Paris trabalhar como chef de cozinha e até como vendedor de porta em porta. Ogilvy, com o apoio de um irmão, também publicitário, aventura-se nos Estados Unidos, onde foi agente secreto, agricultor na região dos amish na Pensilvânia até chegar a Madison Avenue, onde transformou a sua agência em um empreendimento global. O leitor ainda pode se divertir ao imaginar como David - que tinha medo só de pensar em perder um cliente - se sentiu ao ter recusado a conta da Xerox “por não entender como a máquina funcionava”, ou compartilhar a satisfação de ter tornado Porto Rico “menos pobre”, com a sua campanha de publicidade para atrair empreendimentos e investidores.
Kenneth Roman torna público no livro alguns dos melhores memorandos que colecionou ao longo dos anos de convivência com David Ogilvy. São ordens, pedidos e reclamações que pela concisão e clareza são verdadeiros tratados de técnicas publicitárias, aplicáveis aos modernos profissionais contemporâneosque ao responder a 37 perguntas formuladas por David Ogilvy em 1979, poderão saber que são os melhores diretores de criação da face da terra.

Sobre o autor: Kenneth Roman trabalhou por 26 anos com David Ogilvy na Ogilvy&Mather. Começou como executivo de conta e fez carreira até assumir a presidência do conselho e o cargo de CEO. É coautor de outros dois clássicos de livros de negócios: How to Advertise e Writting That Words. Atualmente reside em Nova York.


Transferência de informações é a base de todos os sistemas de cura
Autor baseou teoria através dos estudos dos circuitos digitais e da teoria da informação

O Código da Cura
Autor: Bruce Forciea
ISBN: 978-85-316-1113-1
Assunto: Saúde/Terapias alternativas
200 Páginas; Preço: R$ 34,00
Capa: brochura; Formato: 16 cm x 23 cm
Editora Cultrix, 2011
www.pensamento-cultrix.com.br

Natural de Wisconsin, Bruce Forciea teve uma formação eclética. Foi guitarrista, campeão e treinador de patinação artística e técnico de laboratório de engenharia. Nesta última função aprofundou-se no estudo dos circuitos digitais e teoria da informação, conhecimentos que deram início à formatação de sua teoria, segundo a qual todas as modalidades de cura têm algo em comum: proporcionam trocas de informações que geram a cura dos males e doenças e fortalecem ou corrigem os complexos processos que já se desenvolvem em nosso corpo.
Para apresentar esse sistema inovador e explicar como os pacientes e terapeutas podem acessar essa troca de informações, que está na base de todas as formas de cura, e para maximizar sua força benéfica, Forciea escreveu O Código da Cura, lançado no Brasil pela Editora Cultrix. Na obra, o autor apresenta as sete chaves para a liberação de um poder de cura ilimitado, que integra ideias da física, da biologia molecular, da medicina convencional e da teoria da informação. Formado em psicologia e quiropraxia, Forciea estende a sua teoria também para os profissionais de cura, que ao utilizar essa energia advinda das trocas de informações, podem potencializar os efeitos de qualquer tratamento tradicional ou holístico.
Por meio de uma linguagem clara e técnicas passo a passo que tornam O Código da Cura acessível e prático, o leitor poderá reunir os conceitos apresentados neste livro e aplicá-los imediatamente. Histórias verídicas, inclusive a do próprio dr. Forciea, que se recuperou de uma doença crônica, destacam a eficácia desse novo e poderoso paradigma de cura.

Sobre o autor: Dr. Bruce Forciea formou-se em psicologia e doutorou-se em quiropraxia. Em 1993, começou a clinicar em Wisconsin. Além de ajudar milhares de pacientes, também participou como palestrante de numerosos congressos locais, nacionais e internacionais.


Nido Qubein apresenta estratégias práticas para potencializar trabalho e melhorar a vida
Vincent Peale, autor de “O poder do pensamento positivo” atesta as técnicas propostas

Como Conquistar Tudo o que Você quer na Vida e Alcançar Sucesso
Autor: Nido Qubein
ISBN: 978-85-316-1126-1
Assunto: Liderança Motivacional/Desenvolvimento Pessoal
224 Páginas; Preço: R$ 34.90
Capa: brochura; Formato: 16 cm x 23 cm
Editora Cultrix, 2011
www.pensamento-cultrix.com.br

“As pessoas não nascem vencedoras. Elas se tornam assim. Essa é a frase chave que Nido Qubein, um dos especialistas em realização pessoal e liderança motivacional mais respeitados do mundo, aborda em Como Conquistar Tudo que Você quer na Vida e Alcançar o Sucesso, lançamento da Editora Cultrix. Com propriedade e baseado em sua própria história de vida, Qubein ensina de forma inovadora e prática como se sentir mais seguro, vencer o estresse, comunicar-se com desenvoltura, ter uma autoconfiança inabalável e tornar-se um líder respeitado nos negócios e na vida.
O autor apresenta um programa completo para a realização pessoal e profissional. É um livro para ser lido com um lápis na mão, para o leitor preencher os questionários apresentados ao final dos capítulos, fazer uma autoavaliação e a partir daí usar os recursos propostos que o ensinará a:
• Definir metas e viver de acordo com elas;
• Desenvolver uma auto-imagem poderosa e positiva;
• Comunicar-se com eficácia;
• Tornar-se um líder;
• Realizar o seu verdadeiro propósito na vida e atingir os sonhos;
O livro de Qubein é prefaciado por Norman Vincent Peale, autor do best-seller “O Poder do Pensamento Positivo”. Ele afirma que “de vez em quando um livro consegue combinar com êxito a sabedoria das eras com as ideias práticas do presente com a esperança de encaminhar os seus leitores para o futuro. É exatamente isso o que este livro faz. (...) Utilizando os princípios testados e comprovados do passado, bem como as técnicas motivacionais produzidas pelo conhecimento em expansão, ele oferece uma fórmula valiosa para o desenvolvimento pessoal e profissional”.

Sobre o autor: Nido Qubein foi para os Estados Unidos na adolescência, com pouco conhecimento de inglês, sem conhecer ninguém e somente com 50 dólares no bolso. Utilizando técnicas motivacionais e de liderança, chegou ao topo da carreira em poucos anos. Hoje, o dr. Qubein é reitor da High Point University e fundador da prestigiosa National Speakers Association Foundation. É requisitado para palestras no mundo inteiro para grupos de negócios e organizações profissionais. Recebeu vários prêmios concedidos para palestrantes profissionais, entre eles o Cavett (conhecido como o Oscar do setor) e a Revista Forbes, que o elegeu o sexto maior conferencista motivacional do mundo em 2008.


Prada: um dos nomes mais poderosos do universo da moda vira tema de livro
Livro traz histórias, bastidores e personagens da mais famosa grife italiana

Vita Prada
Autor: Gian Luigi Paracchini
ISBN: 978-85-98903-24-8
Assunto: Biografia/Moda
Páginas: 280 (240 + 40 de imagens); Preço: R$ 34,90
Capa: brochura; Formato: 16 cm x 23 cm
Editora Seoman, 2011
http://www.pensamento-cultrix.com.br/

Conhecida pela sua elegância e criação de peças que mais parecem verdadeiras joias raras, a tradicional grife italiana Prada se tornou uma marca de renome internacional. Por conta disso, a “queridinha” do universo da moda é a protagonista de uns dos livros mais esperados do ano: Vita Prada, da Editora Seoman. Fãs e curiosos de plantão vão conhecer mais sobre as histórias, bastidores e personagens da grife que cria tendências ao redor do mundo.
No decorrer da narrativa, o autor, Gian Luigi Paracchini, conta a trajetória da marca, seu crescimento nos negócios, o sucesso nas passarelas e como a Prada influenciou não só o universo da moda, mas também o da arte, da arquitetura e do cinema. Além disso, o livro tem 40 páginas de fotos para ilustrar a história de uma das maiores grifes do mundo.
Miuccia Prada e Patrizio Bertelli, protagonistas que estão à frente da marca, dominam a cena com muito talento e com personalidades fortes e marcantes. “Parecem ter saído de um explosivo romance italiano”, destaca o autor. No livro, o leitor conhecerá mais sobre a carreira e as histórias pessoais do casal mais famoso da moda.
Segundo o autor, a importância da Prada não se limita à mera esfera da moda. “Minha esperança é que, indo além do fenômeno cultural, este livro bem-humorado e com casos inéditos, conquiste o leitor pelo enredo de suas histórias”, afirma.

Sobre o autor:
Gian Luigi Paracchini nasceu em Milão, na Itália, em 1947. Formou-se em Ciências Políticas e começou como repórter no jornal Corriere d’Informazione durante os “anos de chumbo” e, em 1978, foi trabalhar no Corriere della Sera. Nos últimos quinze anos tem escrito sobre atualidades, esportes e cotidiano, sempre com um olhar curioso e observador sobre o mundo da moda. No final dos anos 1980 lançou um livro de crônicas e fotos, People, sobre as suas viagens ao redor do mundo.


Chega às livrarias Noturno de Havana - Como a Máfia Conquistou Cuba e a perdeu para a Revolução
Obra conta em detalhes as ações de líderes da Máfia, como Meyer Lansky e Charles “Lucky”, a relação do governo da ilha caribenha com os Estados Unidos, Fidel Castro e Che Guevara. Contempla ainda riquíssimo álbum de fotos, inclusive com imagem de pocket show de Frank Sinatra para mafiosos em Havana, em 1947

Noturno de Havana - Como a Máfia Conquistou Cuba e a perdeu para a Revolução
T.J. English
Tradução: Santiago Nazarian
400 Páginas / Preço: R$ 39,90 /Capa: Brochura / Formato: 16cm x 2,3cm x 23cm
Editora Seoman, 2011
www.pensamento-cultrix.com.br

Bem antes de Fidel e Che desfilarem pelas ruas da capital cubana ou do embargo econômico que os Estados Unidos iriam impor a partir do golpe contra Fulgencio Batista, Cuba, em especial Havana, era o parque de diversões de mafiosos, celebridades e autoridades do mundo inteiro. Os investimentos norte-americanos na ilha, para se ter uma ideia, saltaram de 142 para 952 milhões de dólares no decorrer da década de 50. Neste período, crimes, política, drogas, luxo e muita jogatina tomavam conta da capital da mais famosa ilha do Caribe. É este pouco explorado trecho da história que é dividido com os leitores em Noturno de Havana - Como a Máfia Conquistou Cuba e a perdeu para a Revolução, obra assinada pelo escritor americano T.J. English e que chega ao Brasil pela Editora Seoman, com tradução de Santiago Nazarian.
Organizado em duas partes e 14 capítulos, o livro reúne pesquisa profunda do autor - incluindo entrevistas com sobreviventes da época – além de registros fotográficos raríssimos. Para citar alguns exemplos, Frank Sinatra (à direita) em um hotel se apresentando para um seleto grupo de mafiosos em Havana (1947); vítimas de uma das muitas chacinas ordenadas por Fulgencio Batista; o gângster Benjamin “Bugsy” Siegel clicado ainda na cena em que fora assassinado; Fidel e os primeiros combates na selva cubana (à esquerda); e o Senador John F. Kennedy em um quarto de hotel: segundo o autor, em dezembro de 1957, Kennedy participou de uma orgia bancada por Santo Trafficante.
Mas, antes de todos esses acontecimentos, é preciso voltar a origem da questão. Noturno de Havana parte da invasão de mafiosos americanos à Cuba, entre as décadas de 40 e 50: a maior parte deles fez fortuna durante “os gloriosos dias” de Lei Seca nos Estados Unidos fabricando e vendendo clandestinamente bebida alcoólica. De acordo com T.J. English, Havana era um verdadeiro playground para os líderes da máfia. Seus hotéis de luxo e cassinos formavam uma rede de entretenimento responsável por uma explosão turística sem precedentes na história. “É verdade que Cuba tinha um dos padrões de vida mais altos da América Latina, mas essa prosperidade não era espalhada homogeneamente pela nação”, afirma T.J. logo na introdução da obra. Fome, analfabetismo e altos indíces de mortalidade infantil eram enfermidades sociais visíveis nas ruas de Havana.
O baralho da Máfia
Provocado após a leitura da introdução, o leitor se depara com o primeiro capítulo do livro, intitulado O Sortudo Lucky. O protagonista em questão é Charles Luciano (ao centro da foto), apelidado Lucky, natural de Nápoles, Itália – conhecido reduto de mafiosos. Ele chegou à Cuba em 29 de outubro de 1946, após passar longos dez anos na prisão. Lá foi recebido pelo seu velho amigo, Meyer Lansky. Este, já chefe de jogatinas poderoso e reconhecido na ilha, cuidou para que não houvesse problemas na passagem de Lucky pela alfândega do aeroporto. Também não tardou a reencontrar o senador e narcotraficante (é isso mesmo), Suarez Rivas. Rapidamente, Lucky se tornou homem forte da Máfia Americana em Cuba.
Mais adiante, a publicação cita um curioso e importante momento: a Conferência da Máfia de Havana, registrada inclusive no celebrado filme O Poderoso Chefão Parte II, de Francis Ford Coppola. O evento reuniu gângsters de diversas partes dos Estados Unidos, como Nova York, Chicago e Cleveland. Neste grupo haviam representantes e herdeiros da máfia siciliana, como Carlos Marcello. Vale destaque também para Santo Trafficante (de chapéu) que, aos 33 anos, era o mais jovem mafioso presente na reunião. Decisões, assassinatos, drogas, prostitutas e celebridades. Trafficante, Lucky e Lansky eram, em meados dos anos 50, os “reis de Cuba”. Mas as coisas iriam começar a mudar...
Fulgêncio, Fidel e Che
Em 10 de março de 1952, Fulgencio Batista y Zaldívar retomou o poder em Cuba. Ele já havia presidido a ilha entre 33 e 44 e, de acordo com as argumentações de T. J. English, não derramou uma só gota de sangue para retomar o poder. “Batista desfrutava de uma relação especial com os militares, uma vez que foi erguido do posto de soldado raso a sargento coronel antes de se tornar presidente”.
Para a máfia, a chegada ao poder de Fulgencio não era um problema, até porque o coronel via com bons olhos os milhões ali movimentados, além do potencial turístico que as apostas desenfreadas geravam. No entanto, o líder máximo da nação era altamente violento na repressão aos seus oposicionistas. Chacinas eram acontecimentos cotidianos nas ruas de Havana (imagem à esquerda). Esta postura estimulou ainda mais a oposição. Que começou a se organizar. Na liderança deste grupo, Fidel e Che.
A partir daí, não demorou muito para que as ambições da Máfia colidissem com os sonhos e ideais dos comunistas, cujos detalhes o autor captura, em uma batalha cultural épica. Em Noturno de Havana - Como a Máfia Conquistou Cuba e a perdeu para a Revolução Cubana, T.J English revela os detalhes desse emblemático período. A história já nos contou o fim.

Sobre o autor
T. J. English é o autor de Paddy Whacked e The Westies, ambos best-sellers americanos, e Born to Kill: America's Most Notorious Vietnamese Gang and the Changing Force of Organized Crime, que foi nomeado para o Edgar Award. Ele escreveu para Esquire, Playboy e a revista New York, entre outras publicações. Entre seus créditos como roteirista estão episódios de séries para a televisão como NYPD Blue e Homicide, pelo qual ele recebeu o Humanitas Prize. Atualmente, vive na cidade de Nova York.

Share this:

COMENTÁRIOS

5 comentários:

  1. Oi Ana! Adorei seu blog, adorei a idéia do livro viajante (já me inscrevi para participar), e estou seguindo!

    Beijões.
    http://conjuntodaobra.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. oi Ana , também amei seu blog . E esse livro sobre a maçonaria deve ser fascinante , sempre tive curiosidade enquanto a o que fazem .
    um beijão , e estou seguindo ...
    http://carolinelebom.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. OI Ana!

    Eu leria o livro da Prada, na boa! Eu gosto de biografias e moda então... Espero ter a oportunidade!

    BjoO
    Pri
    Entre Fatos e Livros

    ResponderExcluir
  4. Olá Ana,
    Realmente a maçonaria é algo muito fechado, obscuro e praticamente ninguém tem acesso, a não ser os próprios membros, evidentemente, e talvez aqueles que por lá já passaram.
    Não li o livro, mas fica uma dica bem interessante.
    Uma ótima quarta feira pra ti.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Ana! Gostei muito do seu blog: essência e conteúdo. Parabéns pelo excelente trabalho realizado.Quando tiver um tempinho, apareça no meu pequeno espaço; terei o maior prazer em recebê-la. Sucesso e prosperidade, menina!

    Ps.: estou seguindo

    ResponderExcluir